Páginas

25 de ago de 2009

DIA DO SOLDADO

Um dia uma criança observava sua mãe que – ao se despedir do filho mais velho, o qual deixava a zona rural com destino à cidade em busca de trabalho – lhe fazia recomendações com respeito aos perigos que possivelmente pudesse encontrar. A recomendação que mais lhe chamou a atenção foi quando ela disse com voz firme, segura, passando a seu irmão uma certeza enorme do que estava falando. O olhar expressivo e os gestos fortes dela garantiam o que aconselhava:

Meu filho, se perceber algum perigo, se notar que corre risco, pelo amor de Deus, procure um policial, um soldado. Na cidade tem sempre um por perto. Não vacile. Corra para perto dele. Tenha a certeza de que ele irá te proteger.

Então o rapaz beijou o rosto da mãe e, em seguida, pegou no colo o irmãozinho, abraçou-o e partiu.

À medida que se distanciava, os soluços da mãe ficavam mais altos. Foi aí que o pequenino segurou-lhe a mão e disse:

Chore não, mãezinha. Lá na cidade tem muito soldado!

Sabe, soldado, diante de uma história dessas, podemos perceber quanto você é importante, o tamanho de sua responsabilidade, quanto esperam de você. Por isso as pessoas o vêem como um salva-vidas, um protetor e muito mais; poucas lhe agradecem ou elogiam quando presta bons serviços. Muitas o censuram e cobram pelo menor deslize. Mas não se preocupe. Aliás, quem enfrenta tantos perigos, com certeza não se abalará com a maledicência daqueles que só criticam sem observar quanto você é valioso e um grande ser humano.

Estamos orando por você, clamando a Deus que lá do céu mande soldados celestiais para protegê-lo também.

Parabéns pelo seu dia e felicidades em toda sua vida. Você será sempre um herói.

Autor desconhecido

Nenhum comentário: