Páginas

6 de set de 2009

BRIGA DE CASAL EM CARMÓPOLIS GERA TUMULTO

Na noite de 05/09/09, por volta das 21h00 a PMMG foi solicitada por “M. A. L”., alegando que a vitima “K. J. D. C”. estava sendo espancada pelo esposo “I. M. C.” e que o casal encontrava-se trancado no apartamento situado na Rua Padre Francisco, Bairro Santo Antônio.

Quando os Policiais Militares chegaram no local, depararam com a vitima em gritos no interior do apartamento, estando a porta trancada; ao dialogarem com o acusado para abrir a porta, houve um barulho característico de estampido provocado por disparo de arma de fogo, neste instante a vitima parou de gritar, e não se ouviu mais nenhum barulho no apartamento. Temendo pela segurança dos moradores vizinhos, foi solicitado que deixassem seus apartamentos, ficando o prédio isolado.

Depois do prédio isolado, ouviu-se a voz do casal, foram realizados vários contatos com o acusado para que ele abrisse a porta, porém sem êxito.

Diante da complexidade da ocorrência, foi acionado reforço policial e adotada todas as medidas cautelares de prevenção, sendo que após muita negociação com o acusado, este concordou em abrir a porta para os PM acompanhados de um Advogado e um familiar.

Tomadas as precauções, daí o acusado abriu a porta, sendo franqueado a entrada no apartamento do casal; quando os PM dialogaram com a esposa do acusado, ela relatou que ambos desentendem constantemente e que o acusado naquela data havia agredido-lhe com dois tapas no rosto. Segundo o acusado, ele também foi agredido com um tapa no rosto desferido por sua esposa; com relação ao barulho semelhante ao estampido de disparo de arma de fogo, ambos afirmaram que durante as agressões, o acusado no seu momento de fúria e com a chegada dos PM, este arremessou uma pedra decorativa (pesando cerca de 3 Kg) na porta do apartamento, o que causou o referido barulho.

Finalizando, foi registrado o boletim de ocorrência e os envolvidos encaminhados para Delegacia para as providências pertinentes.

Nenhum comentário: