Páginas

4 de mai de 2010

POLICIAL MILITAR É ASSASSINADO NA ZONA RURAL DE CARMÓPOLIS DE MINAS

Em 03/05/10, às 19:15, na cidade de Carmópolis de Minas/MG, no local denominado “Sítio da Jibóia”, zona rural, a PMMG foi acionada pelo Solicitante, o qual relatou o desaparecimento de seu irmão Policial Militar, desde o dia 01/05/10 e que dois parentes foram no sítio do militar, avistaram sua moto Honda XR 200, estacionada do lado de fora da casa, que estava fechada e as luzes internas acesas, tendo então chamado o militar, não obtendo resposta.

Os referidos deslocaram-se para a cidade, comunicando o fato com o restante da família, sendo acionada a PMMG.

Uma equipe da PMMG, deslocou para o sítio, estando a casa toda trancada, sendo necessário quebrar dois vidros de uma janela, onde viram um corpo caído ao solo, então foi arrombada uma janela, por onde um PM de serviço entrou e deparou com o corpo da Vítima, 46 anos, 2.º Sargento PM, caído em decúbito dorsal, com um projétil do lado direito, próximo da orelha.

De imediato, o local foi isolado e preservado, sendo acionada a Perícia Técnica, que compareceu no local e realizou os trabalhos costumeiros, relatando inclusive que o militar, foi atingido por dois disparos de arma de fogo, sendo provavelmente um tiro pelas costas e outro pela frente, apresentando também um ferimento na cabeça.

O corpo foi encaminhado para o IML da cidade de Campo Belo/MG, para a necrópsia. Após o homicídio, o Autor fechou a casa, saindo provavelmente pela porta dos fundos, levando as chaves das portas, bem como a chave da moto do militar.

A Vítima era Comandante do Grupo de Polícia do Meio Ambiente da cidade de Caeté/MG e residia em Carmópolis de Minas/MG.

A arma do crime não foi localizada e nem a arma PT .40 Imbel, pertencente a carga da PMMG, pois o militar estava armado fixo.

Os militares estão realizando rastreamento a fim de localizar o Autor do crime.
QUAISQUER INFORMAÇÕES ACIONEM A PMMG ATRAVÉS DO 190 (EMERGÊNCIA POLICIAL) OU DDU-181 (DISQUE DENÚNCIA UNIFICADO).

Um comentário:

Anônimo disse...

A Policia fez um ótimo trabalho, identificando e prendendo o assassino, mas veio a justiça Brasileira e menos de tres meses depois do crime colocou esse bandido em liberdade. Que justiça é essa? Sinto nojo. Aguardem em breve esse malandro cometerá mais crimes em Carmópolis, pois, não foi o primeiro e estando em liberdade cometerá mais. Parabéns justiça!!!!!!